in

Sibutramina

Você quer emagrecer? Saiba tudo sobre a sibutramina e se ela pode te ajudar

sibutramina, tudo sobre o medicamento

Você está tentando emagrecer e está procurando uma grande aliada para te ajudar em sua perda de peso? A sibutramina pode ser a sua solução!

Perder peso geralmente não é uma tarefa fácil, e os quilos que você ganha em um determinado tempo costumam exigir um prazo muito maior para abandonarem de vez o seu corpo. A luta contra a balança é algo que faz parte do cotidiano de muitas pessoas, e em algumas vezes é comum procurar por alguma solução que possa facilitar esse processo.

Os remédios emagrecedores podem ter uma função de importância durante essa caminhada, mas é preciso ter cautela. Primeiramente, não se deve tomar qualquer remédio sem a orientação médica. Em segundo lugar, o uso de medicamentos não pode ser o protagonista da sua perda de peso, mas sim um complemento que te ajudará, durante um tempo, e fará com que você alcance mais depressa o seu objetivo.

A sibutramina é um dos medicamentos mais falados quando o assunto é emagrecimento. Isso acontece porque é um potente inibidor de apetite, que ajuda a dar um gás na dieta e consequentemente apresentar resultados rápidos e satisfatórios na perda de peso. Mas será que vale à pena e é a melhor opção para o seu caso? Saiba mais.

O que é a sibutramina?

A sibutramina é um medicamento que originalmente foi desenvolvido para tratar a depressão, mas foram observados resultados estimulantes na inibição do apetite e consequente perda de peso.

Desde então, passou a ser receitada como um remédio para atuar diretamente no tratamento contra a obesidade.

A sibutramina age no sistema nervoso central, e bloqueia a sensação da fome, fazendo com que o paciente fique por mais tempo sem apetite, e coma pequenas quantidades sem qualquer dificuldade, pois não sente fome.

Benefícios da Sibutramina

Benefícios da Sibutramina

O maior benefício incontestável do tratamento com a sibutramina é a perda de peso de forma rápida e indolor.

Emagrecer não é fácil, e exige muito esforço físico e psicológico, e o uso da sibutramina ameniza essas dificuldades, fazendo com que os quilos se vão de forma que gere menos desgaste emocional.

Quase todo mundo que luta contra a balança tem o sonho de conseguir fazer dieta sem passar fome ou vontade, e é aí que a sibutramina entra e te ajuda diretamente, porque a inibição do apetite faz com que não se torne assim tão difícil abrir mão daquela refeição mais calórica. É um excelente gatilho para uma reeducação alimentar.

O peso retorna após parar com o uso da Sibutramina?

O peso retorna após parar com o uso da Sibutramina?

Esse é o maior medo de muitas pessoas que desejam fazer um tratamento com a sibutramina: voltar a engordar. Existem muitos relatos assustadores de pessoas que recuperaram todo o peso e até mais após suspenderem o uso do remédio, mas não é bem assim.

É claro que o uso da sibutramina não será recomendado por longos períodos, e quando a medicação for interrompida, o paciente terá que continuar o seu caminho pelas próprias pernas, e o resultado dependerá de muitos fatores, incluindo os psicológicos e emocionais.

Durante o tratamento com a sibutramina, por ter o apetite reduzido, o paciente pode organizar melhor a sua educação alimentar. Por um tempo você sentirá bem menos fome, e dessa forma fica mais fácil adaptar o seu estômago e rotina à nova dieta.

Se fizer isso direito e utilizar o benefício da sibutramina ao seu favor, dificilmente irá recuperar o peso perdido após suspender o uso.

Vamos supor que sejam 60 dias de tratamento feito corretamente: são dois meses em que o seu corpo foi desintoxicado de uma rotina alimentar tóxica, e é comum que você e o seu estômago já estejam acostumado com as novas porções de alimento por refeição.

Por certo que o apetite voltando ao normal, a perda de peso também fica mais devagar, e isso é natural, aliás, os resultados diminuírem com o tempo é comum mesmo para quem não se trata com sibutramina.

Isso acontece porque nos primeiros meses o seu corpo irá desinchar bastante, e conforme a evolução do tratamento, você passa a perder menos peso, porque a sua porcentagem do que perder também diminui.

Caso pratique exercícios físicos, os números da balança tardam ainda mais a descer, porque você passa a ganhar massa muscular, mas isso não é ruim, pelo contrário. O peso na balança não é tudo!

Emagrecendo com sibutramina

emagrecendo com sibutramina

O emagrecimento com o uso da sibutramina é comprovado, mas é claro que não há uma fórmula certa que prometa resultados específicos, afinal, cada organismo é um organismo, e os seus resultados também dependerão de quanto você pesa e de como você irá adequar o medicamento na sua rotina.

Uma pessoa que faça uso de sibutramina e alie isso a uma dieta saudável, ingerindo calorias boas, alimentos equilibrados que mantenham um bom metabolismo e ainda realize a prática de exercícios físicos certamente terá resultados superiores aos de outra pessoa que apenas reduza a quantidade de alimentos no prato sem modificar o seu dia a dia.

O ideal é aproveitar o período do tratamento e maximizar todas as possibilidades que você tem. Já que está com o apetite reduzido, invista em uma dieta saudável!

Alie essa alimentação a uma rotina de exercícios físicos regulares, pelo menos três vezes por semana, e aumente o máximo que você puder a sua perda de peso durante esse tempo. Dessa forma, ficará mais fácil seguir o tratamento após suspender o uso da sibutramina.

Pacientes que fazem o uso da sibutramina relatam perder em média cerca de um quilo por semana na primeira cartela. Esse número pode aumentar consideravelmente quando o grau de obesidade é mais alto, ou seja, você tem mais peso a perder, portanto os primeiros quilos se eliminam mais depressa. Existem relatos de pessoas que fizeram o tratamento durante 2 meses e perderam cerca de 10 e 15 kg nesse intervalo de tempo.

A vida após o tratamento com sibutramina

A vida após o tratamento com sibutramina

Eis que o seu tratamento medicamentoso chegou ao fim e o seu médico suspendeu o uso da sibutramina. Não se desespere em seguir sozinho.

Todo o restante é sim com você e manter o peso muitas vezes pode ser mais difícil do que perdê-lo, mas não há motivo para preocupação: basta seguir no caminho certo e com paciência.

Você pode equilibrar outros fatores para manter a frequência dos seus bons resultados, afinal, a sua luta contra a obesidade não chegou ao fim, mesmo que você já tenha atingido a marca do sobrepeso ou até mesmo do peso ideal. Lembre-se, você não deseja retornar para o ponto de partida, certo?

Se com o uso da sibutramina você perdia cerca de um quilo por semana, se alimentando normalmente de forma saudável e sem exercícios físicos, com a ausência do medicamento você pode introduzir a prática de exercícios para voltar a alcançar o mesmo patamar.

Agora o seu corpo está mais leve e certamente bem-disposto para realizar novas atividades!

Não caia em tentação de retornar à sua rotina alimentar de antes do tratamento e tenha cuidado com o seu psicológico e as armadilhas mentais. Pense que o seu corpo está adaptado a comer pequenas porções, apenas o suficiente, e tente se manter assim com disciplina. Ajuda muito cozinhar os próprios alimentos e não depender de comer fora a todo momento.

Caso você tenha uma recaída e acabe se fartando de doces, indo em uma pizzaria ou devorando um brigadeiro de panela, não se culpe e nem desista: é aí que mora o perigo.

Muitas vezes ficamos tão desestimulados por colocar tudo a perder que chutamos o balde, e isso sim funciona como um gatilho para abrir mão de toda a evolução. Portanto, se você passou do ponto, bola pra frente! Recomece no dia seguinte e corra atrás do prejuízo.

Dosagens de sibutramina

A sibutramina é receitada em 10 mg ou 15 mg diários, e a sua caixa geralmente possui 30 comprimidos.

É bastante comum que o médico primeiro recomende a dose de 10 mg por dia e observe a evolução da perda de peso do paciente no primeiro mês.

Se essa perda for inferior a 2,5 kg, é provável que a dose seja ajustada para 15 mg ou até mesmo que o médico troque o medicamento.

Efeitos colaterais da sibutramina

Efeitos colaterais da sibutramina

Os efeitos colaterais da Sibutramina são muito temidos por serem bem desagradáveis e muitas vezes frequentes. Em alguns casos, o tratamento precisa ser interrompido por conta desses desconfortos.

Muitos pacientes relatam palpitações, taquicardia, boca seca, náusea frequente, sudorese, dor de cabeça, entre outros. Também são muito frequentes a insônia, prisão de ventre e amenorreia (ausência da menstruação).

Quando surge qualquer efeito contínuo que cause grande desconforto, é preciso consultar o médico imediatamente e relatar os seus sintomas.

No caso da amenorreia é ainda mais sério, porque uma gravidez pode ser confundida com o efeito da sibutramina em atrasar a menstruação, fazendo com que a gestante faça o uso do medicamento contraindicado.

Contraindicações

A Sibutramina é contraindicada para pacientes gestantes ou lactantes, que possuam histórico de hipertensão ou doenças cardíacas, pacientes que façam uso de antidepressivos ou tenham problemas com alcoolismo.

Menores de 16 anos também não podem tomar sibutramina, assim como também é contraindicado para pessoas que possuam mais de 60 anos.

Para quem é receitada a Sibutramina?

A Sibutramina é indicada para pacientes que possuam obesidade grau 1, 2 ou 3, dependendo do seu histórico médico, geralmente pessoas que possuam IMC acima de 30.

É recomendada para pacientes com compulsão alimentar e ansiedade, que já tenham tentado perder peso outras vezes sem auxílio e não tenham conseguido alcançar bons resultados.

Como tomar Sibutramina?

Como tomar Sibutramina?

O comprimido de sibutramina é tomado pela manhã, e não precisa ser ingerido em jejum. É importante manter uma frequência disciplinada de horários para um melhor resultado do tratamento, portanto coloque o seu relógio para despertar no horário correto.

Durante os primeiros 30 dias, o seu organismo irá reagir ao medicamento e mostrar a você os primeiros resultados.

O médico que irá acompanhar ficará de olho na perda na balança, e quando a meta mínima não é atingida, possivelmente a dosagem será ajustada, mas a forma de tomar é igual. A dosagem diária máxima é a de 15 mg e não deve ser ultrapassada.

Onde comprar sibutramina? Qual o valor?

Onde comprar sibutramina

A Sibutramina é um medicamento vendido mediante apresentação da receita médica, portanto comercializada em farmácias que sejam autorizadas pela ANVISA através de farmacêuticos apenas.

O seu uso é controlado, então você não irá encontrar a sibutramina de outra forma se quiser adquiri-la legalmente.

Não caia em tentação de comprar sibutramina sem receita ou orientação médica, pois além de estar arriscando a sua saúde, também é grande a chance de adquirir um medicamento falso que não lhe trará resultados.

O preço da caixa de sibutramina gira em torno de R$55 a R$130 reais, e essa variação depende do laboratório, da farmácia e da quantidade de comprimidos que vem na caixa.

Se você acha que a sibutramina pode ser ideal para as suas necessidades e não possui nenhuma contraindicação, marque uma consulta com um endocrinologista para dar o passo inicial no seu tratamento contra a obesidade.

Antes de mais nada, o médico lhe passará exames para saber se realmente é a melhor alternativa para o seu caso, mas não desanime caso ele não lhe receitar de imediato: talvez a solução para você seja outra.

Após realizar exames de rotina, exames hormonais, e ter a sua receita em mãos, mantenha o acompanhamento médico e consulte um nutricionista para montar uma dieta adequada para você e suas necessidades de perda de peso.

Isso é importante porque ele saberá calcular, mediante o seu peso e altura, a quantidade ideal para você comer por dia, e qual dieta seguir.

Fazendo tudo certo e usando a sibutramina como aliada, ficará mais fácil alcançar o seu objetivo e manter o peso alcançado após o fim do tratamento medicamentoso.

 

E você, ainda tem alguma dúvida sobre a sibutramina, seu uso, benefícios e tudo mais que você poderia querer saber sobre o medicamento? Conta para a gente nos comentários.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Comments

comments

Suco detox

IMC - Índice de Massa Corporal

IMC – Índice de massa corporal